• Ana Claudia Guedes Silva
    Sou Engenheira Ambiental e Sanitarista formada pela Universidade Federal de Santa Maria. Mestra e Doutoranda em Engenharia Agrícola na área de pesquisa em Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental. Fui bolsista no CIBiogás, com o projeto voltado para a geração de energia elétrica através do biogás no Paraguai. Durante a graduação realizei projetos de iniciação científica e extensão ao tema de tratamento de resíduos por meio de biodigestores, onde eles resultaram em um artigo publicado em revista nacional. Procuro sempre me atualizar no assunto Biodigestores, onde atualmente estou realizando um curso de Fundamentos do Biogás - Produção e uso Energético; pelo CIBiogás. Tenho experiência internacional, onde já apresentei trabalhos orais na Argentina e Chile, havendo afinidade com o espanhol. 
  • Walfrido Alonso Pippo​
    ​Graduado em Engenharia Mecânica pela Escola Superior de Engenharia ´Voronov´, Penza, Russia. Ph.D pela Academia Kalinin, São Petersburgo, Russia. Doutor em Ciências Técnicas (Engenharia) pela Comissão Nacional de Graus Científicos da República de Cuba (1999). Pós-doutorados pelo Abdus Salam International Center for Theorical Physics no 2004-05, 2006-07 e 2008-09, (ENEA Triasaia Research Center, Itália ). Pós-doutorando Sênior CNPq 2009-2012 no GCA/IFGW/UNICAMP, Brasil. Pesquisador Colaborador do Grupo Combustíveis Alternativos UNICAMP 2009-2014. Tem experiência nas áreas de Engenharia Mecânica e Engenharia de Produção, atuando principalmente nos seguintes temas: biomassa, energia, , sustentabilidade dos biocombustíveis, gestão da cadeia de suprimentos. Tem atuado como assessor ad hoc (consultor) do Programa de Biocombustíveis no Ministério de Agricultura e Desenvolvimento Rural da República de Colômbia (2008). Em 2009 foi pesquisador convidado a Conferencia -Biofuels and Economic Development- no Woodrow Wilson International Center for Scholars, Washington, D.C. Pesquisador Visitante Sênior da Universidade do Estado de Amazônia, Brasil desde 2013-2014. Professor Visitante UNILA 2014-16. Professor Adjunto UNILA 2016. Tem atuado como participante e coordenador de vários projetos de energias renováveis desde 1997, em Cuba, Itália e no Brasil. Membro da Banca de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior -BASis do MEC 2006-2016
  • André Cestonaro do Amaral
    ​Possuo graduação em Química pela Universidade Estadual do Centro-Oeste (2010) e mestrado na mesma instituição (2013), no programa de Química. Realizei doutorado (2017) no Programa de Pós-Graduação de Engenharia Agrícola (PGEAGRI) da Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE, na área de concentração de Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental (RHESA), na linha de pesquisa de Saneamento Ambiental. Tenho experiência em tratamento de efluentes, com ênfase em digestão anaeróbia e produção de biogás a partir de resíduos suinícolas e agroindustriais.
  • ​Oswaldo Hideo Ando Junior                                                                                                                                                                                                         Possui Graduação em Engenharia Elétrica (2006) com Especialização em Gestão Empresarial (2007) pela Universidade Luterana do Brasil - ULBRA com Mestrado em Engenharia Elétrica (2009) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS e Doutorado em Engenharia de Minas, Metalúrgica e de Materiais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS (2014) . Atualmente é o Diretor do Instituto Latino-americano de Tecnologia, Infraestrutura e Território (ILATIT) e Professor do Curso de Engenharia de Energias e Engenharia Física da Universidade Federal da Integração Latino-Americana - UNILA. Tem experiência na área de Engenharias atuando principalmente nos seguintes temas: Conversão de Energia, Qualidade da Energia Elétrica, Sistemas Elétricos de Potência, Captação de Energias Residuais e Eficiência Energética. Membro do Comitê Avaliador de diversos periódicos: Renewable Energy Focus (Elsevier), Revista de Ensino de Engenharia (ABENGE), Electric Power Systems Research (Elsevier), Renewable & Sustainable Energy Reviews (Elsevier), ACTA IGUAZU (UNIOESTE) e Revista IEEE América Latina. Membro do Conselho Técnico Científico do Instituto de Tecnologia Aplicada e Inovação (ITAI), Consultor ad hoc da FAPESC, Comitê de Assessores de Áreas (CAA) da Fundação Araucária/Pr, Consultor ad hoc da CNPq, Consultor ad hoc do Programa de P&D+I da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), Membro do Comitê Técnico Científico da Fundação Parque Tecnológico de ITAIPU (FPTI) e Membro do Conselho Estadual dos Parques Tecnológicos - CEPARTEC.
  • Glaucio Roloff
    Engenheiro Agronomo, Mestrado em Agronomia, Doutorado em Ciência do Solo. Tem experiência na área de Agronomia, Gestão de Bacias Hidrográficas, e Energia de Biomassa, atuando principalmente nos seguintes temas: conservação do solo, modelos de simulação de erosão, da hidrologia e da quantidade e qualidade da água em encostas e bacias, agricultura de precisão e sistemas de geração de energia a partir do biogás ou da hidreletricidade.
  • Samara Silva de Souza
    Graduada em Engenharia Química pela Universidade do Sul de Santa Catarina (2010). Mestre e Doutora em Engenharia Química, na aréa de desenvolvimento de processos químicos e biotecnológicos pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC (2014-2017). Iniciação científica no Laboratório de Prestação de Serviços do Centro Tecnológico da UNISUL (2006-2008), atuando nas áreas de tratamento de efluentes e microbiologia. Bolsista pelo PMUC - Prêmio Mérito Universitário Catarinense (2009) e PUIC - Programa Unisul de Iniciação Científica (2010) do Grupo de Pesquisas em Engenharia de Processos (ENGEPRO).Trabalhou como pesquisadora do Grupo de Engenharia Genômica e Tecidual (CNPq). Atua nas áreas de Microbiologia, Ciências Ômicas, Biologia Molecular, Engenharia de Tecidos, Biomateriais e Biorreatores. Realizou Internship na International Language Academy of Canada (2011). Professora substituta no Departamento de Engenharia Química da UFSC (2017), ministrando as disciplinas de Operações Unitárias e Química Tecnológica. Tem experiência na área de engenharia de processos em geral, incluindo processos químicos, biotecnológicos e biomédicos. Atualmente realiza Pós doutorado na Universidade Federal da Integração Latino-Americana - UNILA na área de biomateriais, captação de energias residuais e eficiência energética e Professora do Centro Universitário Dinâmica das Cataratas - UDC.

  • Janine Padilha Botton 
    ​É licenciada em química e química industrial pela Universidade Federal de Santa Maria, UFSM, desenvolveu seu doutorado em Ciências dos Materiais na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS também obtido doutorado em Química pela Universidade de Rennes 1. Fez pós-doutorado na Universidade Estadual de Campinas, Unicamp, na área de planejamento energético. Tem experiência na área de Química, com ênfase em eletroquímica, atuando em temas como líquidos iônicos, energias renováveis, hidrogênio, células a combustível, eletrólise da água e biogás. Possui publicações internacionais, patentes e participações em congressos nos temas cima, tendo orientado trabalhos de alunos de iniciação científica, especialização e mestrado. Atualmente é professora de química na Unila.
  • Luis Cesar Maffei Sartini Paulillo 
    ​Engenheiro agrônomo (UNESP / campus de Botucatu - 1988). Mestre em Agronomia / Genética e Melhoramento de Plantas (ESALQ/ USP campus de Piracicaba - 1999). Doutor em Ciências pela USP / Energia Nuclear na Agricultura (CENA / USP campus de Piracicaba - 2004). Pós-Doutorado em Biologia Molecular (UFBA - 2005). É Professor Titular na Faculdade de Tecnologia e Ciências de Salvador (FTC) onde integra o Núcleo Permanente do Mestrado Profissional em Bioenergia e Professor dos cursos de graduação em Ciências Biológicas e Biomedicina. Trabalha com melhoramento genético vegetal e genética molecular de plantas e microrganismos, atuando principalmente nos seguintes temas: prospecção de princípios ativos de plantas, particularmente espécies do gêneros Jatropha e Theobroma, clonagem molecular, e caracterização de matérias-primas para a produção de biocombustíveis. É revisor de diversos periódicos científicos entre os quais: Journal of Medicinal Plant Research, Agricultural Research and Reviews (ARR), Revista Brasileira de Farmacognosia, e Scientia Forestalis, entre outros. É líder do grupo de pesquisa Saúde Humana e Ambiental, credenciado junto ao CNPq, que tem como principal linha de pesquisa a prospecção de princípios ativos de plantas do Nordeste Brasileiro com potencial biotecnológico. Editor-Científico da Revista Científica Diálogos & Ciência.
  • Suelen Osmarina Paesi 
    ​Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado Em Biologia pela Universidade de Caxias do Sul (1990) e doutorado em Ciências Biológicas (Bioquímica) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1998). Atualmente é professor titular da Universidade de Caxias do Sul com atuação na graduação e nos Programas de Mestrado e Doutorado em Biotecnologia e Ciências Ambientais. Tem experiência na área de Microbiologia, com ênfase em Microbiologia Aplicada, atuando principalmente em isolamento e identificação microrganismos por meio de técnicas clássicas e moleculares como PCR, DGGE, Metasequenciamento de amostras ambientais (ligadas a biogás e biometano) bem como vírus de veiculação hídrica.
  • Marcio Antonio Nogueira Andrade 
    ​Engenheiro Civil (UFC-1986), Mestre e Doutor em Engenharia Civil na área de Hidráulica e Saneamento pela Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo (respectivamente em 1995 e 2000). Pós-Doutorado no Laboratório Nacional de Engenharia Civil - LNEC (no Núcleo de Engenharia Sanitária do Departamento de Hidráulica) em Lisboa-Portugal (2005) e na Cornell University (Department of Biological and Environmental Engineering) em Ithaca - Nova Iorque - Estados Unidos (2013). Foi Responsável Técnico pelo Projeto Ferrocimento do Centro de Tecnologia da UFC, pesquisador do Laboratório de Eficiência Energética nas Edificações - LabEEE (Departamento de Engenharia Civil, Centro Tecnológico da UFSC) e atuou na Coordenadoria de Gestão Ambiental – CGA/UFSC. Atualmente é pesquisador do Laboratório de Análise Ambiental (LAAm/CFH/UFSC) e participa do Projeto Rede Guarani/Serra Geral. É Professor do Mestrado em Engenharia Civil, Sanitária e Ambiental da Universidade do Contestado (UnC). É o Coordenador Técnico Geral do Projeto Estratégico: “Arranjo técnico e comercial para geração de energia elétrica conectada à rede a partir do biogás oriundo de dejetos de suínos no município de Itapiranga em Santa Catarina” (Eletrosul/ANEEL/UFSC/Embrapa Suínos e Aves/UFSM/CiBiogás/FPTI/Fundação CERTI).
  • Andréia Cristina Furtado 
    ​Graduação em Engenharia Química pela Universidade Federal de Uberlândia (2001), mestrado em Engenharia Química pela Universidade Federal de Uberlândia (2004) e doutorado em Engenharia Química pela Universidade Estadual de Maringá (2009). Experiência na área de Engenharia Química, com ênfase em Engenharia Química, atuando principalmente nos seguintes temas: catálise heterogênea, reatores químicos, etanol, reforma a vapor, hidrogênio, metais nobres e reações paralelas, biodigestores e produção de biogás. Atualmente é professor adjunto, nivel III da Universidade Federal da Integração Latino Americana, no curso de graduação em Engenharia Química. 
  • Kátya Regina de Freitas Zara 
    ​É professora adjunta da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila). Tem experiência na área de Engenharia Química, com ênfase em Têxteis e atua com temas como: aprendizagem significativa, Ensino de Química e atividade experimental investigativa. 
  • Laercio Mantovani Frare 
    ​Realizou a sua Graduação (1996), Mestrado (1999) e Doutorado (2006) em Engenharia Química pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). Atualmente é professor dos cursos de Engenharia Ambiental e Tecnologia em Gestão Ambiental na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) atuando, principalmente, nas áreas de poluição atmosférica, produção e purificação de biogás. Atualmente é coordenador do Programa de Pós-Graduação em Tecnologias Ambientais (PPGTAMB) - Câmpus Medianeira.
  • Ricardo Luis Radis Steinmetz 
    Possui graduação em Química Industrial pela Universidade Federal de Santa Maria (2004), mestrado em Química, com ênfase em analises ambientais, pela mesma instituição (2007) e doutorado em Engenharia Química, com ênfase em desenvolvimento de processos químicos e biotecnológicos, pela Universidade Federal de Santa Catarina (2016). É Analista A na Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Suínos e Aves), onde atua em projetos ligados ao Núcleo Temático em Meio Ambiente e em atividades do Laboratório de Estudos em Biogás. Tem experiência na área de Química Analítica Ambiental e de Processos Biotecnológicos, atuando principalmente em estratégias de tratamento e aproveitamento de resíduos agropecuários e agroindustriais por meio da digestão anaeróbia e aproveitamento energético de biogás.

  • Marcelo Bortoli
    Possui graduação em Engenharia Ambiental pela Universidade do Contestado Campus Concórdia (2007), mestrado (2010) e doutorado (2014) em Engenharia Química pela Universidade Federal de Santa Catarina, com ênfase em Processos biotecnológicos para o tratamento de resíduos. Atualmente, é presidente da Sociedade Brasileira dos Especialistas em Resíduos das Produções Agropecuária e Agroindustrial - Sbera. Professor Adjunto na Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPR - Câmpus Francisco Beltrão. Professor permanente do Programa de Pós-graduação em Engenharia Ambiental - PPGEA. Atua principalmente nos temas ligados à tratamento de e gestão de resíduos das produções animais, digestão anaeróbia de resíduos, remoção de nitrogênio, nitrificação/desnitrificação e gestão ambiental.
  • Natalí Nunes dos Reis da Silva 
    ​Analista de Projetos Educacionais no Centro Internacional de Energias Renováveis - Biogás (CIBiogás). Mestranda na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), no Programa de Engenharia Elétrica e Computação (PGEEC). Formada em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE, Foz do Iguaçu, PR, em 2015. 
  • Jaime Marti-Herrero 
    ​Degree in Physics, with Astrophysics specialisation, in 2000, obtaining Applied Physics specialization in 2001, from the University of La Laguna (ULL, Tenerife). In 2000 get a fellowship at the IAC (Tenirife) and in 2001 at the ITER (Tenerife) as first steps in R&D. In 2002 he started working at CIEMAT (Madrid) as a researcher in training, obtaining a Ph.D. in physics from the UNED (Madrid) in 2006, related to heat and mass transfer models for natural cooling in buildings. Launched in 2007 the project of biogas program EnDev-Bolivia (La Paz , Bolivia) of GIZ, which lasted until mid-2012. Incorporated in 2008, as a researcher PhD, at the Building Energy and Environment Group CIMNE (Barcelona) developing most of his scientific activity in Latin America (especially Bolivia, also Chile, Ecuador and Peru) linked to the development and implementation of appropriate technologies (mainly digesters). In 2011 founded and coordinates with other local stakeholders, as the UMSA, the Centre for Research in Biodigestores, Biogas and Biol (CIB3) near La Paz (Bolivia). R & D Coordinator of REDBIOLAC from 2011-2012 and member of the board today. From 2014-2017 has enjoyed a two consecutive PROMETEO post-doc fellowship at the INER of Ecuador. Actually he is coordinating two R&D projects: one related to energy efficiency in building in Ecuador supported by AECID, and other focus on the development of the plan for a National Biogas Program in Ecuador, supported by United Nations (CTCN). His main research lines are anaerobic digestion, "low cost" technologies and mathematical models applied on energy systems. He´s main achievements are the adaptation of the tubular digesters to cold climate conditions using solar passive heating design, the implementation of more than 1000 digesters in the Andean Region, the visit and collaboration with local institutions and organizations in 12 Latin-American countries, and the development of innovative prototypes of digesters for solids organic waste, and for wastewater. He has published 16 scientific papers in JCR journals. He has 175 citations and a h-index of 8 by Scopus, and 472 citations and h-index of 12 by Google Scholar. He is author of 3 complete books and several chapters.
  • Mariano Butti 
    Ingeniero Ambiental de la Universidad Católica Argentina (sede Rosario), Especialista en Higiene y Seguridad Industrial de la Universidad de Buenos Aires y Magister en Energías Renovables de la Universidad Nacional de Salta. Desde el 2007 trabaja como Profesional del Instituto Nacional de Tecnología Agropecuaria (INTA), desarrollando sus actividades en temas relacionados al tratamiento de residuos y efluentes agropecuarios. Con énfasis en la caracterización de sustratos para la producción de biogás. Ensayos de biodigestion y codigestión anaeróbica. Monitoreo y control del proceso anaeróbico. Diseño, construcción y operación de biodigestores a escala piloto, rural y familiar. Ha participado en jornadas y talleres de biogás dictados por Expertos de la CIM-GIZ de Alemania y en cursos internacionales de biogás dictados por el Instituto de Investigación de Biogás del Ministerio de Agricultura China (BIOMA). Miembro de la Junta Directiva de la RedBioLAC y Organizador del 9° Encuentro de la RedBioLAC en Argentina
  • Thiago Edwiges 
    ​Engenheiro Ambiental (PUC-2008), Engenheiro de Segurança do Trabalho (PUC-2010), Especialista em Economia e Meio Ambiente (UFPR-2011), Mestre em Energia na Agricultura (Unioeste-2012) e Doutor em Engenharia Agrícola (Unioeste-2017). Atuou em projetos de tratamento de resíduos do saneamento junto à Companhia de Saneamento do Paraná (SANEPAR) e como Consultor de projetos de aproveitamento do biogás da ITAIPU Binacional e Observatório de Energias Renováveis para a América Latina e o Caribe. Tem experiência internacional na área de produção de biogás pela Escola Superior de Agricultura de Barcelona - Universitat Politècnica da Catalunya (Espanha) e pela University of Southern Denmark (Dinamarca). Desde 2011 é Professor da Universidade Tecnológica Federal do Paraná - Câmpus Medianeira. Atua nas áreas de saneamento ambiental urbano e rural, gestão de resíduos sólidos e tecnologias para a geração e aproveitamento do biogás
  • Walber Braga
  • Jean Agustin Velásquez Piñas 
    Doctorando en Biocombustibles en la Universidad Federal de Uberlândia, posee una maestría en Ingeniería de Energía por la Universidad Federal de Itajubá y graduación en Ingeniería Química por la Universidad Nacional de San Cristóbal de Huamanga. Con experiencia en el área de Ingeniería Química e Ingeniería de Energía, con énfasis en Fuentes Renovables de Energía, actuando principalmente en los siguientes temas: energías renovables, bioenergía, generación de energía, digestión anaerobia, conversión energética de coproductos y subproductos de la biomasa y producción fotoquímica de hidrógeno. Ademas ha trabajado en la concepción, coordinación y ejecución de proyectos I + ID en energía renovable, bioenergía, medio ambiente y desarrollo rural, en instituciones de investigación y de cooperación internacional como la Universidad Nacional Agraria La Molina (UNALM), Practical Action; Organización Holandesa de Cooperación al Desarrollo (SNV). Pertencente a diferentes redes trabajo y participo en la realización de diversos estudios, consultorias y proyectos en instituiciones nacionales e internacionales, como IIAP, GORESAM, Reforesta Peru SAC, SNV, Practical Action, DGIS, Sodexo, Cordaid, Fact Fundation e Green Empowerment.
  • Luciano dos Santos Rodrigues 
    Possui graduação em Engenharia Agrícola pela Universidade Federal de Lavras (1999). Doutorado em Ciência Animal com ênfase em saneamento pela Universidade Federal de Minas Gerais (2008). Pós-doutorado em Controle ambiental e saneamento pela Universidade Federal de Minas Gerais. Professor Adjunto da Universidade Federal de Minas Gerais. Tem experiência na área de Engenharia Agrícola, ambiental e sanitária, com ênfase em Controle ambiental e saneamento, atuando principalmente nas seguintes subáreas: impacto ambiental das atividades agroindustriais, tratamento de águas residuárias e de abastecimento, resíduos sólidos,licenciamento e legislação ambiental.
  • Fauzi de Moraes Shubeita 
    ​Possui graduação em Informática pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (1998), Mestre em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2003). Atualmente é professor titular da Sociedade Educacional Três de Maio. Tem experiência na área de Ciência da Computação com ênfase em Sistemas de Computação. Atualmente integra o BioAgropec nos estudos com Biodigestores, Coordenador de Pós Graduação da SETREM. É Doutor em Ciência da Computação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.
  • Miriam Cleide Cavalcante de Amorim 
    Química Industrial (1990), e Engenheira Química (1992) pela Universidade Católica de Pernambuco. Mestre em Engenharia Química (UFPB , 1995), Doutora em Engenharia Química (UFPE, 2015), Gestor Público em Arranjos Produtivos Locais, e Especialista em Gestão Ambiental. Atuou entre os anos de 1997 e 2009 como Engenheiro efetivo da Companhia Pernambucana de Saneamento e como Pesquisador conveniado da Embrapa Semiárido. Atualmente é professor efetivo da Universidade Federal do Vale do São Francisco, atuando no colegiado de Engenharia Agrícola e Ambiental, nas áreas de Saneamento Básico e Tratamento de Resíduos. Coordena o Núcleo Temático Recuperação de Áreas Degradadas e o Laboratório de Engenharia Ambiental, sendo Tutora do Programa de Educação Tutorial Saneamento Ambiental. Linhas de pesquisa atuais são a biodigestão anaeróbia de resíduos sólidos e líquidos de origem agrícolas e agroindustriais, reuso de biossólidos e tratamento de águas em comunidades rurais.
  • Marcelo Henrique Otenio 
    ​Graduado em Farmácia e Bioquímica na Universidade Estadual de Londrina - PR, UEL (1991); Especialização em Didática e Metodologia do Ensino (1994); Mestrado em Ciências Biológicas (Microbiologia Aplicada) UNESP - Rio Claro, Controle da Fermentação Etanólica (1998); Doutorado em Ciências Biológicas (Microbiologia Aplicada) UNESP - Rio Claro, Tratamento Eletrolítico da Água e Biodegradação da Gasolina (2002). Trabalha na área de Gestão Ambiental, Qualidade de águas naturais (Recursos Hídricos), Saneamento Rural e Efluentes na produção Leiteira. É pesquisador A, da Embrapa Gado de Leite em Juiz de Fora - MG. Coordena projetos de pesquisa na área de monitoramento da qualidade de águas e recursos hídricos, bioprospecção de micro-organismos celulolíticos de efluentes da bovinocultura leiteira, gerenciamento de resíduos biológicos de laboratórios e produção de energia elétrica a partir de biogás produzido por dejetos bovinos. É professor e orientador do curso de mestrado em ciência e tecnologia do leite, UFJF/Embrapa Gado de Leite/ILCT
  • Angélica Chini
    Graduada em Engenharia Ambiental pela Universidade do Contestado - Campus Concórdia (2012). Mestre em engenharia agrícola na Universidade do Oeste do Paraná - UNIOESTE, na área de concentração de recursos hídricos e saneamento ambiental (2015). Foi bolsista de iniciação científica na Embrapa Suínos e Aves. Atuando principalmente na área de Tratamento de Efluentes da Suinocultura. Atualmente, realiza doutorado no programa de pós-graduação de engenharia agrícola (PGEAGRI) na Universidade do Oeste do Paraná - UNIOESTE, na área de recursos hídricos e saneamento ambiental (RHESA).
  • Airton Kunz 
    ​Possui doutorado em Química pela Universidade Estadual de Campinas (1999). Estágio de pós-doutorado na Texas A & M University (2012) e no USDA/ARS (2012) Atualmente é pesquisador da Embrapa Suínos e Aves ocupando a função de chefe adjunto de pesqauisa e desenvolvimento. Professor do programa de mestrado e doutorado em engenharia agrícola da UNIOESTE, campus Cascavel-PR e do programa de mestrado em ciência e tecnologia ambiental da UFFS, campus Erechim-PR. Foi presidente da Sociedade Brasileira dos Especialistas em Resíduos das produções Agropecuária e Agroindustrial (SBERA) nos exercícios 2009-2011 e 2011-2013, diretor de área de pecuária da SBERA no exercício 2017-2019. Editor de área (saneamento e controle ambiental) da revista Engenharia Agrícola e editor de área (waste management in agroecosystems) da revista Frontiers of Sustainable Food Systems. Tem experiência na área de Engenharia Agrícola e Ambiental, com ênfase em tratamentos e aproveitamento de resíduos da produção animal, atuando principalmente nos seguintes temas: biodigestão anaeróbia, remoção de nitrogênio (via processo Anammox, nitrificação e desnitrificação), remoção de fósforo e reúso de efluentes.
  • Daniel Vasconcellos de Sousa Stilpen  
    Graduado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2004) e mestre em Planejamento Energético pela COPPE/UFRJ (2007). Atualmente cursa doutorado em Planejamento Energético na COPPE/UFRJ, com previsão para defesa de tese em março de 2019. Desde 2005 é pesquisador no Instituto Virtual Internacional de Mudanças Globais (IVIG), vinculado à COPPE/UFRJ. Trabalhou na Empresa de Pesquisa Energética (EPE) entre 2007 e 2014, com destaque para as áreas de balanço energético e cenários de demanda de energia. Entre abril/2015 e março/2016 foi pesquisador visitante na Technische Universität München (TUM), em Munique (Alemanha). Entre junho/2017 e fevereiro/2018 foi bolsista do Centro Internacional de Energias Renováveis (CIBiogás), desenvolvendo um Plano Energético Regional, que incluiu o aproveitamento de resíduos do agronegócio. Tem experiência nas áreas de energias renováveis, balanço energético, cenários de oferta e demanda de energia, inventários de emissões de gases de efeito estufa em diferentes setores, cenários de baixo carbono, aproveitamento energético de resíduos e eficiência energética.

  • Dra. Diana Míguez 
    La Doctora Diana Míguez es Química Farmaceútica recibida de la Universidad de la República (UDELAR) y posee el título de PhD en Ciencias del Agua, de la Universidad de Cranfield, Reino Unido en el tema de evaluación de riesgos de contaminantes disruptores endocrinos en cuencas hidrográficas. Cuenta con más de 25 años de experiencia en liderar equipos de servicios analíticos del tema agua y equipos de investigación en el marco de proyectos. Actualmente se desempeña como investigadora grado 5 en Latitud – Fundación LATU, donde dirige el Programa Aguas y co- supervisa tesis de grado y de posgrado con universidades nacionales y extranjeras, incluyendo las maestrías y doctorados relacionados al Programa de Ingeniería Sanitaria de UNESCO-IHE Delft, y la Universidad Tecnológica de Delft, TUDelft, Holanda.

El congreso internacional de RedBioLAC es un espacio de presentación de resultados de investigación, de desarrollo, de implementación, casos de estudio y estudios del arte.

Se da espacio a la discusión entre la audiencia y los expositores al final de cada bloque, y se destinan los coffee breaks para la revisión de papers científicos, hacer nuevos contactos y compartir ideas que podrían convertirse en grandes proyectos a futuro!

Adicionalmente hay medio día de fructífero intercambio de los participantes con la red entre quienes participan del congreso, de donde sacamos conclusiones, ideas de grupos de trabajo, y nos conocemos aún más. Aquí se profundiza en temás que los grupos de trabajo vienen desarrollando y se presenta a la red, y las posibilidades de vinculación. 

congreso

X° ENCUENTRO RedBiolac
FOZ DE IGUAZÚ, BRASIL 2018

comisión evaluadora